inova.jor

inova.jor

O cliente sempre está certo? Elon Musk, da Tesla, acha que não

Linha de montagem da Tesla / Steve Jurvetson/Creative Commons
Linha de montagem da Tesla / Steve Jurvetson/Creative Commons

Se o cliente for “supergrosseiro”, Elon Musk, presidente da Tesla Motors, se reserva o direito de não vender carros para ele. Foi o que aconteceu com Stewart Alsop, ex-jornalista e atual investidor de risco, que criticou um evento de lançamento da Tesla no Medium.

Em setembro do ano passado, Alsop reclamou que o evento de apresentação do Modelo X começou com quase duas horas de atraso e que, apesar de ser horário de jantar, não foi servida comida de verdade.

“Você deveria ter se desculpado imediatamente, mas não o fez”, acusou Alsop, que, assim como os outros convidados, havia feito um depósito antecipado de US$ 5 mil para garantir seu Modelo X. O investidor também acusou Musk de fazer uma “apresentação amadora de slides” sobre como o carro é seguro, no lugar de mostrar o carro de verdade.

Apesar disso, Alsop elogiou o produto:

Eu nunca vi o Modelo X. Ainda quero um. Suas portas abrem desse jeito! É um computador, fantasiado de carro lindo, exatamente como eu quero. Provavelmente não importa se você ferrou com o evento completamente. Ainda seria legal se você demonstrasse alguma classe e se desculpasse com as pessoas que acreditam no seu produto.

Mas, no lugar de pedir desculpas, Elon Musk cancelou a encomenda de Alsop, depois de conversar com ele pelo telefone. E ainda escreveu no Twitter:

(“Deve ser um dia de poucas notícias se negar serviço a um cliente supergrosseiro recebe tanta atenção.”)

Habilidades sociais

Apesar de ser considerado o grande visionário do mercado atual de tecnologia, Elon Musk está longe de ser um exemplo no trato social.

Em sua biografia, o jornalista Ashlee Vance conta que Musk mandou um email mal-educado para um funcionário que deixou de participar de evento da empresa para estar presente ao nascimento de um filho:

Não é desculpa. Estou extremamente desapontado. Você precisa decidir quais são as suas prioridades. Estamos mudando o mundo e a história, e você está comprometido ou não.

Na época em que o livro foi publicado, Musk negou que tenha mandado a mensagem, também via Twitter:

(“É totalmente mentiroso e ofensivo dizer que eu mandei um cara deixar de ir ao nascimento do filho para comparecer a uma reunião da empresa. Eu nunca faria isso.”)

Elon Musk é pai de cinco filhos.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

O Mercado Livre lançou um sistema de gestão de vendas gratuito para usuários do site / Renato Cruz/inova.jor

Mercado Livre quer automatizar ainda mais o comércio eletrônico

Desde a sua criação como site de leilão de usados, em 1999, o Mercado Livre mudou bastante. Atualmente, 90% dos itens vendidos são novos. As vendas de pequenas empresas para consumidores passaram a responder por grande parte das transações. Cerca de 327 mil pessoas na América Latina têm o Mercado[…]

Leia mais »
Para Rudy De Waele, disrupção costuma criar valor para poucos / Divulgação

‘A disrupção tem impacto negativo na sociedade’

No desenho Wall-E, da Pixar, seres humanos obesos servidos por robôs já não conseguem resolver problemas simples sozinhos. Tudo está disponível ao clique de um botão. Ao mesmo tempo, os recursos naturais da Terra foram consumidos a ponto de o ambiente não ser mais favorável à vida. Na semana passada,[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami