inova.jor

inova.jor

Quais são os desafios de ser um líder inovador

Líder inovador: Curso da THNK será oferecido no Brasil em junho / Divulgação
Curso da THNK, escola holandesa de liderança criativa, será oferecido no Brasil em junho / Divulgação

A inovação exige trabalho duro. Um grande desafio das empresas é, depois de coletar ideias, colocar em prática os projetos de inovação.

Mark Vernooij, sócio da THNK, escola holandesa de liderança criativa, conversou com o inova.jor, sobre os desafios de ser um líder inovador. Ele destacou cinco características:

Líder inovador: Mark Vernooij é sócio da THNK / Divulgação
Mark Vernooij é sócio da THNK / Divulgação
  1. É preciso ter uma mentalidade exploratória.
  2. É necessário saber o que quer fazer e o porquê.
  3. O líder deve ter muita paixão pelo que faz.
  4. Ele deve ser capaz de ver o mundo de maneira diferente.
  5. Também deve conseguir inspirar outras pessoas para que elas sigam sua visão.

“O líder inovador é curioso e olhar para fora em busca de coisas novas e interessantes”, explica Vernooij. “A inovação é realmente difícil. Então, para que ela aconteça, é necessário ter muita paixão.”

De 8 a 10 de junho, será em São Paulo o Programa de Liderança Criativa Global da THNK, em parceria com a Polifonia.

Design thinking

O curso trabalha com ferramentas de design thinking, metodologia para resolver problemas e descobrir oportunidades. “Não é um curso de design thinking, apesar de usar a ferramenta”, explica Daniel Gurgel, sócio da Polifonia.

Antes de fechar a parceria com a THNK, Gurgel fez a versão estendida do curso, em 18 meses, em Amsterdã.

“O curso propõe atividades em grupo que ajudam a mudar a mentalidade do executivo”, diz o fundador da Polifonia. “Entre outros pontos, o aluno aprende a importância da prototipação e de entender o usuário.”

Este é o segundo ano em que o curso da THNK é oferecido no Brasil. Segundo Vernooij, a escola tem interesse em estabelecer presença no País.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

A Pebble não conseguiu resistir e acabou fechando as portas, depois de vender ativos para a Fitbit / Joel Gillman/Creative Commons

É tempo de consolidação no mercado de relógios inteligentes

O mercado de relógios inteligentes tem ficado aquém das expectativas de fabricantes e analistas. Muitos achavam que ele poderia ser tão grande quanto o de smartphones, mas o smartwatch acabou se provando, pelo menos até agora, um produto de nicho. Hoje (13/12), o Google anunciou a compra da Cronologics, que desenvolveu[…]

Leia mais »
Projeto da Celesc com a Fundação Certi instalou dois eletropostos em Florianópolis / Bruno Berretta/Divulgação

Florianópolis ganha dois postos para abastecer veículos elétricos

  Florianópolis ganhou neste mês dois postos para abastecer veículos elétricos. Um dos eletropostos foi instalado no campus da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e outro no bairro Itacorubi. Santa Catarina conta ainda com um eletroposto em Araquari, no norte do Estado. Os postos fazem parte de um programa[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami