inova.jor

inova.jor

T-Systems será operadora móvel virtual no Brasil

MVNO: Empresa planeja começar a operar serviços de celular para carros conectados em junho de 2017 / Renato Cruz/inova.jor
Empresa planeja começar a operar serviços de celular para carros conectados em junho de 2017 / Renato Cruz/inova.jor

A T-Systems, empresa do grupo Deustche Telekom, será operadora móvel virtual no Brasil. A modalidade de serviço, também chamada de Mobile Virtual Network Operator (MVNO), permite que uma empresa ofereça comunicações móveis sem ter de construir rede própria.

O projeto começou há um ano, e veio da necessidade de fornecer chips de celulares para montadoras equiparem seus carros conectados no Brasil.

Na Alemanha, a Deutsche Telekom é responsável pelas conexões de quarta geração (4G) dos automóveis da BMW, num serviço chamado ConnectedDrive.

“No Brasil, o regulamento não permite ter roaming permanente”, explica Camilo Rubim, vice-presidente de Vendas e Serviços da T-Systems do Brasil, em entrevista ao inova.jor.

Por causa disso, não é possível trazer chips de operadoras estrangeiras para carros que vão rodar por aqui. Rubim participou esta semana do Congresso SAE Brasil 2016.

A ideia é lançar o serviço em junho de 2017. A T-Systems negocia com outras montadoras, além da BMW, para fornecer chips no Brasil.

O BMW ConnectedDrive permite, entre outras funcionalidades:

  • controlar funções como buzina, faróis e travas de portas a partir do smartphone;
  • ter acesso a aplicativos como Spotify, Yelp e Amazon do painel do carro; e
  • atualizar mapas de navegação e outras informações via rede móvel.

Parceria

Ainda não foi definida qual será a operadora parceira para esse serviço. As empresas mais ativas no mercado brasileiro de MVNOs são a TIM e a Vivo.

Quando saiu a regulamentação de MVNO no Brasil, havia uma expectativa grande para esse mercado, que acabou não se confirmando.

Segundo a consultoria Teleco, existiam por aqui, em agosto deste ano, 466,5 mil acessos móveis operados por MVNOs.

A maior operadora virtual do País é a Porto Seguro Conecta, que pertence à seguradora de mesmo nome, com 378,3 mil celulares em agosto.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Amos Genish, da Vivo, diz que empresas precisam ser mais inovadoras

‘Brasil precisa criar centros tecnológicos’, diz presidente da Vivo

“O Brasil precisa criar centros tecnológicos aqui”, afirmou ontem Amos Genish, presidente da Vivo, durante a inauguração da nova sede da Wayra, aceleradora de startups do grupo espanhol. “Para saírem da crise, as empresas brasileiras precisam inovar mais, para se tornarem mais competitivas.” Segundo Genish, não falta competência aos profissionais[…]

Leia mais »
Primeira turma será formada por ex-alunos do Senac / Renato Cruz/inova.jor

Telefônica e Senac incentivam empreendedores

A Telefônica, dona da Vivo, e o Senac procuram empreendedores que queiram criar empresas em São Paulo. Crowdworking é o nome do projeto de pré-aceleração criado pela Telefónica Open Future em parceria com diversas instituições de ensino brasileiras. Já existem dois espaços colaborativos, em Santa Rita do Sapucaí (MG) e na Universidade de[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami