inova.jor

inova.jor

São Paulo terá batalhas de startups de inteligência artificial

A batalha entre startups de inteligência artificial já aconteceu outras duas vezes em Boston e Valência / Machine Learning Valencia / Divulgação
A batalha de inteligência artificial já aconteceu em Boston e Valência / Machine Learning Valencia/Divulgação

Batalhas entre startups com soluções em inteligência artificial decidirão qual empresa será o novo participante da Wayra, aceleradora do grupo Telefônica, que também é dona da Vivo. O vencedor também receberá apoio da Microsoft.

A competição acontecerá em 9 de dezembro e é organizada pela empresa norte-americana BigML em parceria com a Open Future, programa de inovação aberta da Telefônica.

Na terceira edição, o evento global acontecerá pela primeira vez no Brasil. As edições anteriores foram realizadas em Boston (EUA) e Valência (Espanha).

Seleção por algoritmo

Durante o evento, as empresa vão apresentar seus projetos em inglês e passarão por avaliação feita por um algoritmo de inteligência artificial, chamado PreSeries, que vai calcular a chance de sucesso de cada uma delas.

As startups receberão uma nota do algoritmo, sem a interferência humana. O PreSeries é configurado para refletir um grande modelo preditivo, com informações de milhares de startups pelo mundo.

O algoritmo considera ainda as rodadas de investimento feitas pelas empresas até o momento.

A startup escolhida pelo algoritmo será convidada a ingressar mo time de aceleradas da Wayra. A empresa participará pelo processo de monitoramento, treinamento e conexão com a rede global de negócios oferecido pelo programa.

Após os seis meses de aceleração, a startup vencedora poderá receber um aporte de US$ 50 mil. Em contrapartida, disponibilizará entre 7% a 10% da empresa para a Telefônica.

O vencedor levará ainda US$ 120 mil em créditos de serviços da Microsoft Azure válidos por dois anos. Além disso, receberá o selo BizSpark Plus, do programa de benefícios para startups da Microsoft.

Os interessados em disputar uma das cinco vagas finalistas precisam se inscrever pela internet até 29 de novembro. A lista com os aprovados será divulgada em 1.º de dezembro.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Luis Minoru, diretor de estratégia da TIM, anunciou parceria com o Cubo / Renato Cruz/inova.jor

Quais são os planos da TIM para startups

A TIM quer se aproximar do ecossistema brasileiro de startups. O primeiro passo foi uma parceria com o Cubo Coworking Itaú, anunciada hoje (19/7). Por enquanto, os planos não preveem investimento financeiro. Mas a operadora não descarta pegar participação societária em empresas iniciantes em troca de acesso a ativos como sua base de 67 milhões[…]

Leia mais »
O Banco inter lançou recentemente o serviço de banco digital para pequenas e médias empresas / Renato Cruz/inova.jor

Banco Inter quer ser o primeiro banco brasileiro 100% na nuvem

O Banco Inter quer se tornar o primeiro banco brasileiro 100% na nuvem. Controlado pela família Menin, dona da incorporadora MRV, oferece contas digitais sem a cobrança de tarifa desde 2015. “Como banco de varejo, já nascemos digitais”, afirma João Vitor Menin, presidente do Banco Inter. “Nunca chegamos a ter[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami