inova.jor

inova.jor

Capgemini promove competição mundial de startups

Capgemini: As startups vencedoras receberão até US$ 50 mil em aporte / Zona Coworking/Creative Commons
As startups vencedoras receberão até US$ 50 mil em aporte / Zona Coworking/Creative Commons

Startups de todo o mundo podem se inscrever na competição InnovatorsRace50, criado pela consultoria Capgemini.

Cinco startups serão premiadas com US$ 50 mil em investimento equity-free, ou seja, sem participação acionária em troca do aporte.

Ao todo, 50 novas empresas serão selecionadas e divididas em cinco grupos de interesses:

  • govtech & empresas sociais,
  • fintech & mobilidade,
  • consumidores & bem-estar,
  • processos digitais & transformação, e
  • dados & segurança.

Especialistas ajudarão a escolher dez finalistas, que terão a oportunidade de interagir com profissionais de tecnologias voltadas para as suas áreas em uma das cinco Applied Innovation Exchanges (AIEs) da Capgemini.

De abril a maio, as startups poderão testar e aplicar suas propostas de inovação nas AIEs de Londres, Mumbai, Munique, Paris e São Francisco.

Profissionais auxiliarão com as propostas e a preparação para a apresentação final.

As cinco empresas vencedoras poderão ainda ter acesso a participação em eventos globais de tecnologia, acesso aos especialistas de mercado e a possibilidade de se tornar um parceiro da Capgemini.

O resultado final será anunciado dia 5 de outubro.

Série na web

Toda a competição poderá ser acompanhada na íntegra em uma web-série intitulada de InnovatorsRace50, a ser exibida entre setembro e outubro.

A rede CNN Internacional também exibirá a série em outubro, num programa chamado Unicorns, no canal de televisão e no website.

Os interessados precisam se inscrever até 28 de fevereiro.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

O mercado de aceleradoras é considerado consolidado e primordial para as startups brasileiras /Steven Zwerink/ Flickr / Creative Commons

Circuito Fora busca startups em cidades brasileiras pequenas e médias

Estruturas de apoio para startups têm um papel cada vez mais fundamental. Segundo pesquisa de 2016 da Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec), em parceria com o Sebrae, o Brasil possui cerca de 369 incubadoras de empresas, 90 parques tecnológicos e 35 aceleradoras de negócios. O estudo também apontou[…]

Leia mais »
Apesar de a economia chinesa ser a maior do mundo, país ainda está longe dos Estados Unidos no registro de patentes / Fairphone/Creative Commons

Qual é a relação entre patentes e tamanho da economia

O número de pedidos de patentes solicitado por cada país é um bom indicativo do nível de inovação e do andamento da economia. O investimento em pesquisa e desenvolvimento, por empresas de todos os portes e universidades, demonstra o grau de produtividade de uma nação. Portanto, um bom índice de comparação[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami