inova.jor

inova.jor

Brasil perde 13,7 milhões de acessos móveis em 2016

O Brasil perdeu 13,7 milhões de acessos móveis no ano passado, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

O número inclui chips de celular, sistemas de comunicação máquina a máquina, placas de internet móvel e máquinas de cartão.

O País encerrou 2016 com 244 milhões de acessos, uma queda de 5,3% sobre o ano anterior.

Segundo a agência, os consumidores desistiram de manter chips de diversas operadoras, que usavam para aproveitar promoções em chamadas intrarrede.

A desaceleração econômica também contribuiu para a redução da base.

A maior queda de clientes foi da Oi, que se encontra em processo de recuperação judicial. A empresa perdeu 12,3% de seus acessos, fechando o ano com 42,1 milhões.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Para oferecer 4G em Fernando de Noronha, a TIM combinou três frequências e usou satélite de órbita média / Eduardo Muruci/Creative Commons

Como levar 4G para Fernando de Noronha

A TIM anunciou ontem (8/12) a cobertura de Fernando de Noronha (PE) com comunicações móveis de quarta geração (4G). Trata-se da milésima cidade a receber a tecnologia da operadora. “Neste ano, instalamos 4G em média em duas cidades por dia”, afirma Leonardo Capdeville, diretor de Tecnologia da TIM Brasil. “Até[…]

Leia mais »
Renato Arradi, diretor de produto da MBG explica as funcionalidade do Moto G5 e Moto G5 Plus/Mariana Lima/ inova.jor

Vice-líder em celulares no Brasil, Lenovo apresenta Moto G5

A Lenovo lançou hoje (7/3) os dois celulares da nova geração da família G que serão vendidos no Brasil. O Moto G5 e o Moto G5 Plus são modelos intermediários e são a aposta da marca para se manter entre os líderes de mercado. A venda de aparelhos celulares da família[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami