inova.jor

inova.jor

Centrais de atendimento devem ir para a nuvem na América Latina

Para evitar custos, empresas latino-americanas investem em soluções de centrais de atendimento na nuvem / Alan Clark/Creative Commons
Para evitar custos, empresas latino-americanas investem em soluções de nuvem / Alan Clark /Creative Commons

O mercado de centrais de atendimento on-premises (instaladas na própria empresa) movimentaram US$ 240 milhões na América Latina em 2015, sendo que o Brasil representou 50% do total.

Em 2021, esse montante deve alcançar US$ 275,5 milhões. No mesmo ano, as soluções em nuvem devem representar mais do que 30% do mercado latino-americano.

Segundo estudo da Frost & Sullivan, as empresas da região planejam investir em soluções de contact center na nuvem, para conter custos e aumentar a produtividade e a eficiência operacional.

A tendência é que as companhias substituam gradualmente sua infraestrutura antiga por soluções de nuvem, de acordo com a consultoria.

CORREÇÃO: A Frost & Sullivan corrigiu os números do estudo. Anteriormente, havia divulgado estimativas de mercado de US$ 240 bilhões para 2015 e de US$ 275,5 bilhões para 2021.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Mesa redonda discutiu o impacto dos ciberataques nos negócios / Tiago Queiroz/inova.jor

Qual é o impacto de ciberataques nos negócios

Globalmente, nove em cada 10 consumidores estão muito ou extremamente preocupados com pelo menos uma área de segurança que afeta suas vidas online e offline, segundo o Unisys Security Index 2018. O volume de violações de segurança que resultaram no comprometimento de dados sigilosos de milhões de usuários já ultrapassava[…]

Leia mais »
Noventa e seis por cento dos brasileiros conectados usam o celular / Edilson Rodrigues/Agência Senado

Metade dos brasileiros conectados só usa o celular

Metade da população conectada no Brasil acessa a internet exclusivamente pelo celular, segundo a pesquisa TIC Domicílios 2017, divulgada hoje (24/7) pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br). Esse percentual corresponde a 58,7 milhões de pessoas. Pela primeira vez, os usuários que acessam a rede somente pelo celular (49%)[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami