inova.jor

inova.jor

Centrais de atendimento devem ir para a nuvem na América Latina

Para evitar custos, empresas latino-americanas investem em soluções de centrais de atendimento na nuvem / Alan Clark/Creative Commons
Para evitar custos, empresas latino-americanas investem em soluções de nuvem / Alan Clark /Creative Commons

O mercado de centrais de atendimento on-premises (instaladas na própria empresa) movimentaram US$ 240 milhões na América Latina em 2015, sendo que o Brasil representou 50% do total.

Em 2021, esse montante deve alcançar US$ 275,5 milhões. No mesmo ano, as soluções em nuvem devem representar mais do que 30% do mercado latino-americano.

Segundo estudo da Frost & Sullivan, as empresas da região planejam investir em soluções de contact center na nuvem, para conter custos e aumentar a produtividade e a eficiência operacional.

A tendência é que as companhias substituam gradualmente sua infraestrutura antiga por soluções de nuvem, de acordo com a consultoria.

CORREÇÃO: A Frost & Sullivan corrigiu os números do estudo. Anteriormente, havia divulgado estimativas de mercado de US$ 240 bilhões para 2015 e de US$ 275,5 bilhões para 2021.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Profissionais são os novos influenciadores digitais

  Redes sociais podem facilitar negócios e conversas profissionais. De acordo com o LinkedIn, mais de 62% dos profissionais respondem a contatos na rede que mostram conteúdo e oportunidades relevantes. Lançada no Brasil em 2011, a rede social profissional conquistou 34 milhões de usuários no país. No mundo, são mais[…]

Leia mais »
Assistentes digitais entendem a intenção e os comportamentos dos usuários / tommaso1979/depositphotos

Como as empresas devem se preparar para a busca por voz

No final do ano passado, o Google liberou seu software de inteligência artificial pessoal Assistant para smartphones com os sistemas Android 5.0 Lollipop e tablets com Android 7.0 Nougat e 6.0 Marshmallow. A atualização foi liberada em 11 países, incluindo o Brasil. Com isso, o Google Assistant passou a estar disponível para[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *