inova.jor

inova.jor

Telefônica investe R$ 49 milhões em startups brasileiras

A Wayra, aceleradora do Grupo Telefônica, já recebeu 58 startups brasileiras / Divulgação
A Wayra, aceleradora do Grupo Telefônica, já recebeu 58 startups brasileiras / Divulgação

O Grupo Telefônica, por meio do programa global de inovação Open Future, investiu €166 milhões em startups pelo mundo, nos últimos seis anos. Parte desse montante foi destinada ao Brasil.

Ao todo, 1.532 startups passaram pelo programa. A Telefônica já registrou €40 milhões em retorno sobre o investimento por meio de venda de sua participação nas empresas negociadas no mercado.

O Brasil figura na quarta posição dos países com mais startups apoiadas desde 2012, quando foi criada a Wayra Brasil. Até o fim do ano passado, 58 empresas brasileiras tinham passado pelo programa.

O País recebeu R$ 9,3 milhões em investimentos durante os quatro anos de operação da aceleradora. Além disso, o fundo Amérigo, também do grupo espanhol, investiu outros R$ 40 milhões em seis startups brasileiras.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Projeto do Instituto TIM, AWC estimula universitários a empreender / Divulgação

‘Falta apoio ao empreendedorismo nas universidades’

A cultura do empreendedorismo, tão difundida em países como Estados Unidos, ainda é pouco difundida nas universidades brasileiras, o que limita o interesse dos estudantes. Especialista no assunto, Diogo Dutra é coordenador de conteúdo do programa Academic Working Capital (AWC). O projeto é fruto de uma iniciativa do Instituto TIM,[…]

Leia mais »
A VR Monkey foi uma das oito startups escolhidas pelo Programa de Promoção da Economia Criativa / Divulgação/VR Monkey

Realidade virtual atrai investimento no Brasil

A startup paulistana VR Monkey, que desenvolve soluções de educação em realidade virtual, é uma das empresas escolhidas para participar do Programa de Promoção da Economia Criativa. Parceria entre Samsung, Associação de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) e Centro de Economia Criativa e Inovação da Coreia do Sul, o programa prevê[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami