inova.jor

inova.jor

Quais são as melhores práticas para publicar dados na Web

Brasileiros elaboram documento do W3C sobre publicação de dados na Web / High Ways Agency/Creative Commons
Brasileiros elaboram documento do W3C sobre publicação de dados na Web / High Ways Agency/Creative Commons

O World Wide Web Consortium (W3C) lançou um documento de referência com recomendações para a publicação de dados na Web.

Intitulado Boas Práticas para Dados na Web, o documento foi redigido por especialistas brasileiros do Centro de Estudos sobre Tecnologias Web (Ceweb.br), do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), e da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

O documento mostra como profissionais envolvidos com gestão da informação, desenvolvedores e demais interessados podem descobrir, acessar e processar dados de uma forma mais eficiente.

São detalhados tópicos como metadados, qualidade e proveniência dos dados, licença e uso.

A metodologia envolveu coleta de casos sobre uso de publicação de dados na Web de diferentes partes do mundo, consultas públicas e a participação da comunidade Web.

O texto está disponível na íntegra em inglês. A tradução para português será lançada em breve.

O W3C é uma comunidade internacional que desenvolve padrões abertos para a Web, liderada pelo criador da tecnologia, Tim Berners-Lee.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Tonia Casarin apresentou projeto de qualificação socioemocional para professores / Divulgação

Educadora carioca é premiada pela Singularity University

A educadora carioca Tonia Casarin foi a vencedora do Singularity University Brazil Global Impact Challenge 2017.  A final da competição aconteceu na quinta-feira passada (4/5) em Curitiba, no campus da Universidade Positivo. A pesquisadora foi uma das 10 finalistas entre 107 inscritos na competição, que tinha como tema Educação para o Século[…]

Leia mais »
Google Sintomas terá informações sobre sintomas com o aval da equipe do Einstein / Divulgação

Google Sintomas traz resultados verificados pelo Hospital Albert Einstein

É cada vez mais comum as pessoas usarem a pesquisa do Google para tirar dúvidas sobre uma dor ou algum sintoma de doença. Segundo o próprio mecanismo de busca, 1% das pesquisas são relacionadas a sintomas. Para entregar informação de qualidade sobre saúde e dar um melhor direcionamento aos pacientes antes de buscarem[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami