inova.jor

inova.jor

Earth 2050: Projeto multimídia simula como será o mundo em 30 anos

Earth 2050, projeto multimídia da Kaspersky Lab tenta projetar o mundo daqui 30 anos / Reprodução
Earth 2050, projeto multimídia da Kaspersky Lab, tenta projetar o mundo daqui 30 anos / Reprodução

Há anos os filmes de ficção científica, futurólogos e empresas de tecnologia tentam imaginar como será o mundo nos próximos 30 anos.

Ontem (1/3), a Kaspersky Lab anunciou o Earth 2050 um projeto multimídia interativo com previsões feitas pelos cientistas da empresa, futurólogos e pessoas comuns.

O programa especula, com imagens em 360º, como será a vida na Terra em 2030, 2040 e 2050.

Até o momento, é possível acompanhar a previsão de 80 cidades espalhadas pelo mundo. Para isso, basta acessar o site e escolher ano e a cidade, no globo virtual, que deseja visitar no futuro.

Grandes cidades

Em Barcelona, por exemplo, é possível ver torres futuristas e carros voadores semelhantes aos previstos nos desenhos animados. Veículos autônomos, já realidade hoje no mundo, também configuram a cena do futuro.

Nova York também tem suas previsões. Daqui poucos anos, segundo cientistas, as pessoas devem usar roupas e carros inteligentes. E a energia será totalmente limpa e renovável.

Nova Iorque em 2050, segundo a atual previsão da Earth 2050 / Reprodução
Nova Iorque em 2050, segundo a atual previsão da Earth 2050 / Reprodução

Casas

Para quem tem dúvidas de como será a vida privada, o projeto também faz projeção de como serão as casas nos próximos anos.

Em 2030, por exemplo, o projeto prevê apartamentos pequenos, com impressora 3D e roupas que se limpam sozinhas.

Para 2040 a equipe da Kaspersky Lab acredita que as empregadas robôs finalmente serão uma realidade. O robô trará um grande problema social de espionagem e vazamento de dados.

Ainda nessa década, os pesquisadores acreditam que os animais de estimação serão criados de acordo com os desejos e necessidades de seus donos. Robôs também tendem a desempenhar esta função.

Por fim, em 2050, a estimativa dos cientistas é que cada pessoa tenha o seu próprio assistente virtual. O computador imitará o sistema nervoso central dos humanos e conseguirá tomar decisões pelo dono baseado nas informações que coletou por toda a vida.

Meio ambiente

A questão ambiental também é avaliada no projeto. A ideia é que regiões especiais, como a floresta amazônica, sejam completamente reflorestadas.

O processo de recuperação ocorreria devido a junção de forças entre cientistas, organizações em defesa do meio ambiente e a evolução de como a sociedade usará as novas tecnologias.

“Haverá uma rejeição aos textos impressos. As crianças não terão livros didáticos, os adultos não lerão livros físicos e os idosos não vão querer jornais impressos. Novas tecnologias trarão de volta a beleza do nosso planeta e ar puro”, diz a explicação em inglês.

Colaboração

O projeto Earth 2050 pode ser acessado gratuitamente e faz parte das comemorações de 20 anos de atividades da Kaspersky Lab no mundo.

Cada pessoa pode adicionar sugestões aos ambientes, enviando feedback aos organizadores. Uma equipe avalia a possibilidade da ideia que, se aprovada, passa a integrar o cenário.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

O Labelectron, da Fundação Certi, combina pesquisa e fabricação de produtos / Renato Cruz/inova.jor

Lei de incentivo à fabricação de eletrônicos precisa ser revista

A Lei de Informática oferece incentivos fiscais para computadores e equipamentos de telecomunicações produzidos no Brasil. A política foi condenada pela Organização Mundial do Comércio (OMC), a partir de uma série de denúncias do Japão e da União Europeia, sob o argumento de que torna injusta a competição com produtos[…]

Leia mais »
Antes da Brasil/CT, Marcos Wettreich criou o iBest e a MLab / Divulgação

‘Nunca faço business plan quando começo um negócio’

Marcos Wettreich é um pioneiro da internet brasileira. Quem acompanhou a chegada da operação comercial da rede no Brasil, há pouco mais de duas décadas, lembra-se da revista Internet World e da empresa de eventos Matel, dois empreendimentos de Wettreich. Também deve se lembrar do iBest, que surgiu como prêmio e[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami