inova.jor

inova.jor

Brasil já tem mais celulares 4G do que 3G

O 4G está presente em 3.363 municípios brasileiros, segundo a Telebrasil
O 4G está presente em 3.363 municípios brasileiros, segundo a Telebrasil / Edu Alpendre/Creative Commons

Em outubro, o Brasil passou a ter mais celulares com tecnologia 4G do que 3G, segundo a Associação Brasileira de Telecomunicações (Telebrasil).

Naquele mês, havia 95 milhões de acessos 4G, comparados a 92 milhões de 3G. O crescimento acumulado em 12 meses da quarta geração da telefonia móvel chegou a 79%.

A previsão é que o país feche este ano com mais 100 milhões de celulares de quarta geração.

A tecnologia 2G diminuiu 31% em 12 meses, somando 36 milhões de acessos em outubro.

Evolução das tecnologias de celular / Fonte: Telebrasil

Cobertura

Segundo a Telebrasil, a rede de quarta geração está presente em 3.363 municípios brasileiros, onde moram 90% da população.

A cobertura atual equivale a três vezes a obrigação de 1.079 municípios prevista no edital de licitação.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

O aparelho de tubo não precisa ir para o lixo: ele pode ser usado com um conversor e uma antena UHF / Roberto Tietzmann/Creative Commons

Por que a TV analógica vai ser desligada amanhã em São Paulo

O desligamento da TV analógica está marcado para amanhã (29/3) em São Paulo. Hoje, o Grupo de Implantação da TV Digital (Gired) decidiu que a cidade tem condições para ter somente o sinal digital. Segundo o Ibope, 92% das residências da região metropolitana de São Paulo estão prontas para ver a TV[…]

Leia mais »
O Brasil precisa definir frequências e participar ativamente da definição do padrão de 5G / Ericsson/Divulgação

5G traz as comunicações móveis para a era do gigabit

A quinta geração (5G) coloca as comunicações móveis na era do gigabit. A tecnologia deve permitir acessos a 1 gigabit por segundo (Gbps), velocidade conseguida atualmente em acessos fixos de fibra óptica. Além disso, é componente essencial da internet das coisas (IoT, na sigla em inglês), ao oferecer latência (tempo[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami