inova.jor

inova.jor

Natura seleciona startups para aceleração

Programa de aceleração da Natura vai selecionar até cinco startups / Divulgação
Programa de aceleração da Natura vai selecionar até cinco startups / Divulgação

A Natura seleciona startups para seu programa de aceleração, em parceria com o Cesar. As inscrições podem ser feitas até 31 de maio.

A iniciativa faz parte do Programa Natura Startups, lançado em 2016 para fomentar a cultura inovadora na empresa e incentivar o empreendedorismo e o ecossistema de startups relacionado à companhia.

As startups interessadas precisam propor soluções para os seguintes desafios estratégicos da Natura:

  • Como transferir boas práticas de vendas de uma parte para o todo?
  • Como ter uma visão individualizada das necessidades e interações de cada ator do ecossistema da empresa, possibilitando a oferta de produtos, serviços e conteúdos de maneira personalizada?
  • Como instrumentalizar as consultoras de beleza, por meio de informações relevantes de diagnóstico dos consumidores e de seus ambientes, permitindo a recomendação de produtos de forma personalizada?

Investimento

As empresas pré-selecionadas serão analisadas por um comitê de investimentos, em parceria com o Cesar.Labs (programa de aceleração do Cesar), para identificar a necessidade de aporte financeiro, juntamente com investidores-anjo.

O programa de aceleração tem duração de nove meses. Serão selecionadas até cinco startups, que vão receber:

  • investimento total de até R$ 100 mil por empresa;
  • mentorias com executivos da Natura e do Cesar.Labs;
  • suporte de infraestrutura, gestão e serviços de mais de R$ 500 mil.

 

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Como as startups contribuem para a economia

O mercado de startups tem crescido nos últimos anos no Brasil, mantendo-se atrativo até mesmo em período de crise econômica. É o que indica estudo da Associação a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas empresas (Sebrae). O Estudo[…]

Leia mais »
Cassio Spina defende a criação de incentivo fiscal ao investimento anjo / Renato Cruz/inova.jor

Investimento anjo sobe, mas número de investidores cai

O volume de investimento anjo somou R$ 851 milhões no Brasil em 2016, o que representou aumento de 9% sobre o ano anterior. Apesar disso, o total de investidores caiu 3%, passando de 7.260 em 2015 para 7.070 no ano passado. As informações constam de uma pesquisa divulgada hoje (28/6) durante[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami