inova.jor

inova.jor

Newton da Costa fala sobre a quase-verdade

O trabalho de Newton da Costa pode ser aplicado em áreas como física teórica e inteligência artificial / Giovanni Bello
O trabalho de Newton da Costa pode ser aplicado em áreas como física teórica e inteligência artificial / Giovanni Bello

Criador da lógica paraconsistente, que admite contradições, o professor Newton da Costa é referência mundial em seu campo de estudo.

Seu trabalho pode ser aplicado a áreas tão diversas quanto a física teórica e a inteligência artificial.

Conversei com ele para a edição mais recente da Revista .br, do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br).

A seguir, um trecho da entrevista.

O que é quase-verdade?

Nas ciências, hoje, as várias teorias, ao que tudo parece indicar, não refletem exatamente o real.

De fato, nunca saberemos, falando sob o prisma da ciência, se elas efetivamente refletem, de modo exato, a realidade ou não.

Mas elas podem espelhar, de maneira parcial, essa realidade. Inclusive, podem fornecer uma ideia geral de como é o universo.

Todavia, sempre de modo parcial e aproximado. Para tornar rigoroso tudo o que acabei de dizer, defini o conceito de quase-verdade (ou verdade parcial).

As várias teorias das diversas ciências, deixando-se de lado a lógica e a matemática, são em geral tão somente quase-verdadeiras.

Então, elas funcionam como se fossem verdadeiras, até que se descubra uma versão mais apropriada, isto é, mais ampla e talvez mais próxima da verdade?

Exatamente, até que se descubra uma versão mais apropriada, quer dizer, mais aproximada da verdade, caso seja atingível.

Em certo sentido, as teorias são mais ou menos verdadeiras ou parcialmente verdadeiras. Porém, a quase-verdade não exclui a verdade.

Mas, é preciso frisar que certas sentenças empíricas são ou verdadeiras ou falsas e que são elas que garantem ou suportam a quase-verdade das teorias científicas. Ou seja, é o teste empírico que valida a quase-verdade.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Marcelo Zuffo, da USP, fala sobre mercado de trabalho / inova.jor

‘É preciso incentivar a contratação de técnicos e engenheiros’

Apesar da expansão da educação em todos os níveis verificada nos últimos anos, o Brasil vive uma crise de qualidade no sistema educacional. É o que afirma Marcelo Zuffo, professor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. A deficiência do país é ainda maior no ensino de ciência, tecnologia,[…]

Leia mais »
Antes da Brasil/CT, Marcos Wettreich criou o iBest e a MLab / Divulgação

‘Nunca faço business plan quando começo um negócio’

Marcos Wettreich é um pioneiro da internet brasileira. Quem acompanhou a chegada da operação comercial da rede no Brasil, há pouco mais de duas décadas, lembra-se da revista Internet World e da empresa de eventos Matel, dois empreendimentos de Wettreich. Também deve se lembrar do iBest, que surgiu como prêmio e[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *