inova.jor

inova.jor

Maioria das empresas do EUA já foi alvo de ransomware

Mau uso da tecnologia por colaboradores é apontado como principal causa dos ataques de ransomware
Mau uso da tecnologia por colaboradores é apontado como principal causa dos ataques de ransomware / ep_jhu/Creative Commons

O número de empresas que sofrem com ataques de ransomware tem crescido nos últimos anos, segundo o relatório Estudo de Resposta a Ransomwares, da Trend Micro.

Nesse tipo de ataque, o computador infectado tem seus dados criptografados, e o criminoso digital exige pagamento de um resgate para liberar novamente o acesso a eles.

Dentre as 225 empresas americanas que participaram da pesquisa, 53% já foram vítimas desse tipo de ataque e 22% registraram alguma perda financeira por conta disso.

A maioria dos executivos (60%) acredita que a vulnerabilidade decorre do mau uso da tecnologia por colaboradores, sendo 65% dos casos originados após cliques em links para sites infectados, provavelmente recebidos via e-mail por funcionários desavisados.

O relatório constatou ainda que as empresas recebem, em média, dez ataques de ransomware por mês. Mas boa parte dos entrevistados (42%) não soube dizer com qual frequência sofre ataques.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

O mercado de cidades inteligentes é um dos focos da Atech para diversificar operações / Rafael Carvalho/Creative Commons

Atech, da Embraer, aposta em mercado corporativo e cidades

Criada em 1997 para desenvolver software para o Sistema de Vigilância da Amazônia (Sivam), a Atech pertence hoje ao Grupo Embraer. Em 2011, a Embraer Defesa & Segurança comprou 50% da Atech por R$ 36 milhões e, dois anos depois, adquiriu o restante da empresa. Atualmente, a empresa busca diversificar sua[…]

Leia mais »
O Itaú Unibanco tem centenas de cientistas de dados / Renato Cruz/inova.jor

Por que o Itaú Unibanco decidiu formar cientistas de dados

O Itaú Unibanco tem 60 pessoas em treinamento para se tornarem cientistas de dados, num programa em parceria com o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA). São engenheiros, físicos, químicos, cientistas da computação e matemáticos que foram contratados como analistas, mas, antes de começarem a trabalhar, vão cumprir uma carga de[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *