inova.jor

inova.jor

Japão quer tornar privada automática mais fácil de usar

Japão decide padronizar controles de privada automática / Achim Hepp/Creative Commons
Japão decide padronizar controles de privada automática / Achim Hepp/Creative Commons

Associação da Indústria de Equipamentos Sanitários do Japão decidiu padronizar os ícones de instrução do vaso sanitário automático.

O modelo possui um painel de controle com funções como pulverizar água, secar, dar descarga e abrir e fechar a tampa.

Os ícones para “abrir e fechar tampa”, “abrir e fechar assento”, “descarga longa”, “descarga curta”, “limpar”, “lavar”, “secar” e “parar” / Japan Restroom Industry Association

O objetivo é facilitar a vida dos turistas que vão visitar o país. Cerca de 24 milhões de turistas visitaram o Japão em 2016 e o ​​governo prevê receber 40 milhões de pessoas em 2020 durante a Olimpíada.

Cada fabricante tem usado seu próprio conjunto de ícones, com instruções em japonês, o que dificulta o entendimento dos visitantes.

A associação também espera que, com essa medida, seja mais fácil promover as vendas da privada japonesa no exterior.

Toshiba, Panasonic e mais sete empresas que fazem parte da associação vão adotar ícones unificados para os produtos lançados a partir deste ano.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Educação: Dispositivos móveis são uma aposta da D2L / Enric Fradera/Creative Commons

‘A educação online é a salvação da América Latina’

A educação a distância substituirá a educação tradicional em alguns anos? É possível ter uma boa formação sem encontrar pessoalmente o professor? Até onde vai o uso da tecnologia para adquirir conhecimento? Essas são apenas algumas das questões que surgem com a aplicação crescente da tecnologia à educação, e o mercado deve receber um forte[…]

Leia mais »
Tonia Casarin apresentou projeto de qualificação socioemocional para professores / Divulgação

Educadora carioca é premiada pela Singularity University

A educadora carioca Tonia Casarin foi a vencedora do Singularity University Brazil Global Impact Challenge 2017.  A final da competição aconteceu na quinta-feira passada (4/5) em Curitiba, no campus da Universidade Positivo. A pesquisadora foi uma das 10 finalistas entre 107 inscritos na competição, que tinha como tema Educação para o Século[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *