inova.jor

inova.jor

Acer aposta no mercado bilionário de games da América Latina

Acer patrocina eventos e times especializados em jogos eletrônicos / Mariana Lima / inova.jor
Acer patrocina eventos e times especializados em jogos eletrônicos / Mariana Lima/inova.jor

O mercado de games da América Latina é o segundo que mais cresce no mundo, atrás apenas do sudeste asiático. O crescimento acelerado dos adeptos dos jogos onlines têm atraído fabricantes de computadores tradicionais.

Segundo a Newzoo, consultoria especializada em pesquisas sobre a indústria de games, o mercado de jogos eletrônicos movimentou em 2016 US$ 4,1 bilhões na América Latina e mantém uma média de crescimento de 20% por ano.

Há 40 anos fornecendo computadores, a Acer decidiu investir nos dispositivos voltados para games nos últimos dois anos, com o lançamento dos primeiros computadores da linha Predator.

Os dispositivos dessa linha possuem capacidade, velocidade e placas de vídeos diferentes dos existentes nos outros computadores e monitores da empresa.

O preço também é diferenciado. O modelo gamer mais simples da Ace, o VX Invasion, chega ao Brasil com valor médio de R$ 5 mil. O computador é o produto de entrada da companhia para o mercado nacional.

Já o principal computador da categoria sequer é vendido em lojas de varejo. Para ter um Predator de 21 polegadas e tela curva é necessário fazer encomenda, junto a Acer nos Estados Unidos, e desembolsar no mínimo US$ 9 mil.

Estratégia

A empresa, que faturou US$ 7,5 bilhões no ano passado, se tornou patrocinadora de times e eventos de jogos online nos Estados Unidos e no Brasil.

“Desde 2015 temos focado muito em games. Mas o nosso foco não é ser líder de vendas no mercado e sim apresentar a melhor experiência para o jogador”, diz Germano Couy, presidente da Acer na América Latina.

“O grande desafio dos computadores nesse ramo é o custo. Para essa linha, buscamos muita inovação para conseguir um custo competitivo, para que mais pessoas consigam comprar”, completa Couy.

Vários fabricantes têm apostado nesse filão de mercado. Na semana passada, a Samsung lançou no Brasil o notebook Odyssey, voltado para gamers, que também tem preço de referência de R$ 5 mil.

 

Publicações relacionadas

Inovar: É preciso permitir o erro com responsabilidade, segundo Momm / inova.jor

Festival Path: Como inovar em ambientes pouco favoráveis

Para Lucas Momm de Melo, cofundador da startup MindMiners, é preciso ler, dialogar e errar para conseguir inovar. Esta visão foi o que norteou o painel Inovação Não Sai da Cartola como Mágica, apresentado hoje (2/6) no Home Festival Starbucks at Home, no Festival Path. A apresentação se aprofundou no[…]

Leia mais »
Renato Cruz, Maria Del Pilar Muñoz, Daniel Accioly Rosa e Daniel Gonzales conversam no Start Eldorado / Divulgação

Start Eldorado: Quais são os benefícios da digitalização

Como está a digitalização dos setores químico e farmacêutico? Na quarta-feira (25/4), conversei sobre esse tema com Maria Del Pilar Muñoz, vice-presidente de Sustentabilidade e Novos Negócios da Eurofarma, e Daniel Accioly Rosa, gerente de Agricultura Digital da Yara Brasil, no programa Start Eldorado. Você pode ouvir o programa abaixo: Quando[…]

Leia mais »