inova.jor

inova.jor

iDexo busca startups para programa de inovação

O instituto de inovação aberta iDexo abriu inscrições para seu primeiro programa de startups / Divulgação
O instituto de inovação aberta iDexo abriu inscrições para seu primeiro programa de startups / Divulgação

O iDexo abriu inscrições para seu programa StartupX, voltado para fintechs e startups com soluções de varejo. Os interessados podem se cadastrar até 14 de janeiro.

O instituto de inovação aberta oferece conteúdos de ideação, design thinking, temas técnicos como programação, coaching, direcionamento de negócios e mentoria interna e de mercado.

O programa StartupX tem 12 semanas de duração.

Processo de seleção

Os semifinalistas serão anunciados em 17 de janeiro e, no dia 23, haverá uma competição com pitching e banca avaliadora.

Os escolhidos serão anunciados no mesmo dia, e o programa começa em 29 de janeiro.

As startups vão participar de sessões de ideação e design thinking com a Hyper Island e receber aulas técnicas de temas como blockchain, internet das coisas e programação com o iMasters.

Os escolhidos também terão mentoria técnica e de negócios com a Totvs e outras empresas associadas.

No final do programa, as startups vão apresentar seus protótipos numa feira, e podem receber investimento de associados do iDexo e de outros investidores.

Instalado na sede da Totvs, na zona norte de São Paulo, o iDexo também tem parceria com a Hyper Island, RetailApp, Banco ABC Brasil, Soluti, Visa, Governo de Ontário, Mobile Marketing Association (MMA) e Associação Brasileira de Fintechs (ABFintechs).

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Helton Falusi com sua filha Coty, que foi a inspiração para o desenvolvimento do AppNanny / Divulgação

Casal cria aplicativo para contratação de babás

O casal Priscilla Fiorin e Helton Falusi decidiu criar o AppNanny, depois do nascimento de sua primeira filha, Catarina. A Coty (apelido da Catarina) nasceu com atresia esofágica (má formação do esôfago) e teve de receber cuidados especiais durante o primeiro de vida. Depois de várias operações, a Coty teve o[…]

Leia mais »

O que esperar das redes empresariais do futuro

Na era digital em que vivemos, os dados se tornaram a nova moeda. Tanto que o fluxo de dados seguro e sem obstáculos é essencial para a sobrevivência de qualquer empresa. Nesse cenário, várias companhias perceberam que atender completamente os requisitos de segurança, conformidade e capacidade de rede é a[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *