inova.jor

inova.jor

‘Ou o marketing casa com a tecnologia, ou ficará sem ninguém’

Área de marketing tem a grande oportunidade de ser agente de mudança / Renato Cruz/inova.jor
Área de marketing tem a grande oportunidade de ser agente de mudança / Renato Cruz/inova.jor

A adoção de tecnologias tem gerado mudanças significativas no modelo de trabalho nas últimas décadas. Mas a velocidade dessas mudanças se intensificou nesta década, e assistimos a uma disrupção de todas as funções das organizações de que fazemos parte.

Não há uma única área que não esteja passando por este processo. Se você trabalha em finanças, recursos humanos, marketing, logística, tecnologia da informação, vendas ou atendimento a clientes, certamente tem visto essa mudança e, em vários casos, sentido a dor da sua organização ao tentar compreender e se adaptar a essa ruptura.

A área de marketing tem se tornado rapidamente uma das mais dependentes de tecnologia e, portanto, passa por um momento de grande transformação.

No mundo digital, o engajamento com prospects e clientes se dá cada vez mais por meio de softwares. A competência para escolher os melhores softwares capazes de viabilizar os objetivos de vendas e marketing e, principalmente, a capacidade de implementá-los e gerenciá-los, será cada vez mais fonte de vantagem competitiva, impactando como a empresa percebe e influencia as audiências e como essas audiências percebem e se relacionam com a marca.

Atualmente existem milhares de softwares, literalmente, que pretendem resolver algum problema de marketing. CRM, marketing automation, lead management, content management, social media monitoring e customer service são alguns deles.

Historicamente, a área de TI tem sido responsável pela definição e gestão de tecnologia, mas isso vem mudando rapidamente.

As empresas compram cada vez mais “entregáveis”, ou seja, o resultado final de uma aplicação. Por exemplo, o que se espera de um fornecedor de CRM é cada vez menos o software e cada vez mais a capacidade de entregar clientes mais engajados.

Agente de mudança

Marcelo Vidigal M. de Barros, da Sales Impact! / Divulgação
Marcelo Vidigal M. de Barros, da Sales Impact! / Divulgação

Nesse ambiente, a área de marketing tem a grande oportunidade de ser agente de mudança e gerar maior valor para a organização, sendo parceira estratégica da TI na escolha e implantação das tecnologias capazes de gerar vantagem competitiva e diferenciação.

Mas essa oportunidade vem acompanhada de desafios para o profissional de marketing, como:

  • mudar o mindset em relação às responsabilidades;
  • acompanhar as inovações e ter mais conhecimento e familiaridade com a tecnologia;
  • ter a coragem de pensar mais estrategicamente; e
  • atuar com a resiliência e audácia necessárias para promover as mudanças que a transformação digital exige das empresas na sua forma de fazer marketing e vender.

Nesse mundo novo, ou nós de marketing casamos com a tecnologia, ou ficaremos sós, sem ninguém para nos escutar dentro de nossas empresas.

  • Marcelo Vidigal M. de Barros é CEO e fundador da Sales Impact!

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Mauiricio Ruiz, da Intel, alerta que as empresas brasileiras precisam inovar mais / Renato Cruz/inova.jor

‘Tudo está sendo transformado e está todo mundo sob pressão’

A principal fonte de ruptura no seu mercado pode ser uma empresa que você nem conhece. Esse foi um alerta feito hoje (27/11) por Maurício Ruiz, diretor geral da Intel Brasil, durante evento para imprensa. “Tudo está sendo transformado e está todo mundo sob pressão”, disse o executivo. “Nenhuma empresa[…]

Leia mais »
Darwin: Programas de incubação e aceleração de startups têm crescido exponencialmente / Divulgação

O que Charles Darwin tem a ensinar às empresas inovadoras

Criar soluções diferentes para necessidades globais tornou-se atividade essencial no século 21. A demanda por novidades e evoluções tecnológicas fez com que a palavra inovação fosse disseminada em mercados e setores diversos, ampliando conceitos como pesquisa e desenvolvimento (P&D) e disrupção. Para empresas, grandes ou pequenas, a inovação tem capacidade[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *