inova.jor

inova.jor

Serasa promove maratona de programação em São Carlos

Próxima edição do hackathon da Serasa Experian será realizado em São Carlos / Divulgação
Próxima edição do hackathon da Serasa Experian será realizado em São Carlos / Divulgação

A Serasa Experian promove nos dias 18 e 19 de agosto, em São Carlos, a maratona de programação Experiance Jam 5. Os interessados em participar do hackathon podem se inscrever até o dia 27 de julho, no site do evento.

Os participantes podem escolher entre quatro desafios:

  • Blockchain – A principal pergunta a ser respondida é: como criar uma identidade digital mais segura para pessoas físicas, em blockchain, de forma inclusiva, conveniente e disruptiva para o mercado brasileiro?
  • Vibe do cliente – O objetivo é rastrear e entender o que os consumidores estão dizendo sobre a instituição e seus concorrentes para melhorar o atendimento, oferecer melhores produtos etc.
  • Analytics – Como fazer a melhor análise e predição do mercado brasileiro com bases de dados públicas e privadas? A startup Arquivei vai disponibilizar os insumos para o desafio, que será baseado em notas fiscais.
  • Desafio Surpresa – O quarto desafio será anunciado no início do Experiance Jam.

Premiação

Os prêmios do hackathon totalizam R$ 40 mil, sendo R$ 10 mil para cada um dos desafios.

As equipes podem ter de três a 10 participantes, sendo indicado ter pelo menos dois desenvolvedores e um designer de experiência de usuário.

Serão selecionados até 200 participantes, que terão das 9h do dia 18 até as 18h do dia 19 para resolver os desafios.

Também serão oferecidos cursos e workshops gratuitos, com temas como tecnologia, educação e gestão financeira e inovação.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Espectadores podem acompanhar dados sobre os jogadores da NFL em tempo real / Alan Kotok/Creative Commons

Como a análise de dados em tempo real impulsiona a inovação

Se você quiser ver o que a internet das coisas (IoT, na sigla em inglês) é capaz de fazer, basta olhar para um jogador da NFL (liga profissional de futebol americano) de hoje. Dois sensores do tamanho de uma moeda, colocados nas ombreiras usadas pelos jogadores, se comunicam mais de[…]

Leia mais »
O blockchain substitui qualquer unidade centralizada de autenticação de dados / Stig Morten Waage/Creative Commons

Bancos de investimento podem cortar custos com blockchain

O blockchain, tecnologia que suporta a moeda virtual bitcoin, pode reduzir os gastos com infraestrutura dos bancos de investimentos em até 30%, segundo as consultorias Accenture e McLagan. O relatório Banking on blockchain: a value analysis for investment banks baseia-se nos modelos operacionais e dados de custos reais de oito dos dez maiores bancos[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *