inova.jor

inova.jor

Coworking legislativo seleciona projetos em São Paulo

Primeiro coworking legislativo do mundo tem 20 postos de trabalho / Divulgação
Primeiro coworking legislativo do mundo tem 20 postos de trabalho / Divulgação

A vereadora Janaína Lima (Novo) transformou seu gabinete no primeiro coworking legislativo do mundo, oferecendo espaço ao cidadão que queira colaborar para a resolução de problemas da cidade.

Os interessados já podem inscrever seus projetos, que serão selecionados para incubação na Câmara Municipal.

Segundo ela, serão escolhidas as propostas que poderão resultar em soluções inovadoras e viáveis para a cidade de São Paulo, com foco em:

  • gestão pública eficiente (incluindo zeladoria e desburocratização),
  • empreendedorismo, e
  • primeira infância.

“Somos um gabinete empreendedor, que funciona como uma startup da gestão pública e nosso lema é fazer mais com menos recursos públicos. Por isso, queremos chamar os cidadãos para trabalharem ao nosso lado em projetos que gerem resultados efetivos para a cidade”, afirma Janaína. “Reestruturamos nosso gabinete com a parceria e colaboração de pessoas que acreditaram nesse sonho.”

O espaço conta com 20 postos de trabalho.

Inscrições

O cidadão que deseja fazer parte do projeto terá de se inscrever no programa Embaixadores da Mudança, rede de agentes voluntários do mandato que atuam como ponte entre o gabinete e suas comunidades, no site da vereadora.

A ideia será analisada pela equipe do gabinete e, após aprovação, os autores da iniciativa poderão permanecer no coworking por até três meses.

Os selecionados vão trabalhar de forma colaborativa com a equipe do gabinete, para que os projetos sejam viabilizados por meio de parcerias públicas e privadas.

No futuro, algumas iniciativas poderão virar projetos de lei e outras ações pontuais.

Outras cidades já entraram em contato com o projeto para conhecer a proposta e tentar implementá-la no restante do país.

Publicações relacionadas

Primeira edição do programa de startups da Nexa foi limitado ao Brasil / Divulgação

Nexa busca startups com projetos de mineração e metalurgia

A Nexa, ex-Votorantim Metais, abriu inscrições para o Mining Lab 2, segunda edição de seu programa de startups. Os interessados podem se inscrever até 18 de março. A empresa busca projetos que possam ser aplicados à mineração e à metalurgia, nas seguintes áreas: automação; internet das coisas; logística; economia circular;[…]

Leia mais »
Escolhidos podem receber investimento ou trabalhar em parceria com a Gerdau / Divulgação

Gerdau e Fiemg Lab lançam desafios a startups

A Gerdau, em parceria com o Fiemg Lab, lançou dois desafios para startups, empresas de base tecnológica e pesquisadores acadêmicos. As inscrições estão abertas até 11 de maio. Os desafios do Gerdau Challenge at Fiemg Lab são: aumentar o rendimento do coque, carvão mineral essencial para operações em alto forno,[…]

Leia mais »