inova.jor

inova.jor

Cresce demanda por geradores de ozônio na pandemia

A pandemia aumentou a demanda por geradores de ozônio para descontaminação de objetos e ambientes.

Bruno Mena Cadorin, CEO da Wier, e Érico Marchi, fundador da Al Fero, conversaram sobre o tema no vídeo da série Quem Inova.

Eficácia da tecnologia de ozônio

Localizada em Florianópolis, a Wier produz soluções de ozônio e plasma frio para os mercados residencial e empresarial.

“Para o setor doméstico, fornecemos equipamentos que fazem a descontaminação de alimentos, combatendo microorganismos como bactérias, vírus e fungos. Também podem ser aplicados no tratamento de água de piscina bem como na desodorização de ambientes”, disse Cadorin.

Inaugurada em 2017, a microcervejaria Al Fero, de Nova Trento (SC), é um cliente corporativo da Wier.

“Desde o princípio usamos a tecnologia do ozônio. Começamos na lavação de garrafas, pré-envase. Quando vimos que funcionava, adotamos a tecnologia no tratamento de efluentes”, explicou Marchi.

Para saber mais, assista ao vídeo da entrevista, e assine o canal do inova.jor no YouTube.

Publicações relacionadas

A professora Ana Estela Haddad falou sobre telessaúde em Washington / Divulgação

Como está a experiência brasileira em telessaúde

A experiência brasileira em telessaúde foi um dos destaques da reunião da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), realizada na semana passada em Washington. A Opas está interessada em produzir conhecimento e difundir experiências sobre o potencial das tecnologias de informação e comunicação e dos sistemas de informação para o acesso[…]

Leia mais »

Serviços na nuvem representam 85% do tráfego corporativo

Atualmente, os serviços na nuvem representam 85% de todo o tráfego corporativo da internet. A informação foi divulgada pela Netskope, fornecedora de serviços de cloud, que produziu relatório sobre o setor. Além disso, o estudo aponta que cada empresa utiliza uma média de 1.295 serviços na nuvem. É um aumento[…]

Leia mais »