inova.jor

inova.jor

Dr. Consulta aposta em inteligência artificial para crescer

O Dr. Consulta aposta na inteligência artificial e em parcerias, como a que anunciou recentemente com a Vivo, para crescer.

Guilherme Kato, diretor de Tecnologia da Informação do Dr. Consulta, conversa sobre o tema com o jornalista Renato Cruz no vídeo da série Quem Inova.

Segundo o executivo, tecnologia é essencial para a operação do Dr. Consulta, que se considera uma healthtech, scaleup da área de saúde.

Inteligência artificial

Entre outras aplicações, a rede de centros médicos usa inteligência artificial para organizar as agendas dos médicos, fazendo previsão de horários com maior probabilidade de receber pacientes.

“Temos um algoritmo que usa inteligência artificial com base no histórico e na demanda de algumas semanas atrás. Dessa forma, começamos a entender o comportamento do usuário e conseguimos fazer uma escala um pouco mais assertiva”, explicou Kato.

Outra tecnologia que está no radar do Dr. Consulta é a internet das coisas. Aparelhos com sensores que captam informações biométricas e monitoram a saúde dos pacientes devem ganhar cada vez mais importância no mercado de saúde.

Para saber mais, assista ao vídeo da entrevista, e assine o canal do inova.jor no YouTube.

Publicações relacionadas

Unimed busca startups para aceleração

A Unimed abriu inscrições para um programa de aceleração que busca transformar a sua qualidade da gestão. Assim, o objetivo é selecionar até 12 startups que atuem em melhorias de: atualização cadastral; atendimento laboratorial; e tabela de itens cadastrados na cooperativa para utilização em procedimentos médicos. Realizado em Curitiba, o[…]

Leia mais »
Na Garagem da IBM são criados MVPs para testar soluções para grandes empresas / Mariana Lima / inova.jor

IBM cria garagem para agilizar inovação em empresas brasileiras

A IBM Brasil lançou ontem (15/2) a Garagem 1157, um espaço destinado a empresas brasileiras que queiram desenvolver e testar soluções de internet das coisas, blockchain e computação cognitiva. O projeto, que já existe em cidades como São Francisco, Nova York, Tóquio e Toronto, é baseado na metodologia de Garagem Bluemix, desenvolvido pela IBM com[…]

Leia mais »